28 de out de 2011

Sou assim

Sem amor
Sou eu assim
cego, mudo,surdo e invejoso
sem amor sou arrogante,serio e egoista
sem amor não sou poeta
nem tão pouco luscido
delirio a alsencia do amor
sem amor sou como jaziguo perpétuo
bonito por fora e morto por dentro
sem amor me torno assassino de minha propria alma
corrupto com meus sentimentos
e egoista com meu espirito
por isso amor não me abandone
pois sem você
eu sou assim
morto e sepultado no meu proprio corpo ...

Nenhum comentário: